Saturday, October 01, 2011

Mãos na janela







Suas mãos se encontraram do lado de fora da janela.Os olhares se uniram também.Mas seus destinos estavam separados por anos e anos de diferença.O tempo inimigo ativo e amigo fiel contagia e não consegue perdoar.Mesmo que quisessem ser perdoados.O pecado os rodeou por muitas noites .De algum canto do céu na vastidão de uma noite estrelada:Deus os libertou.